segunda-feira, 15 de junho de 2009

Emocões sem fim...

Dido - "Here with me"














É demsiado duro quando temos de partir e aventurarmo-nos no desconhecido... Assusta, sentimo-nos frágeis e pequeninos.
Porém, às vezes dói mais permanecer no sítio que nos foi tão querido, fazia parte da nossa pele, e parece já não nos pertencer, desempenhando um papel que estamos certos de não ser o nosso. É preciso ser forte e ter muita coragem para reconhecer aquilo que não desejamos, e seguir em frente.


Relembro o poeta quando diz "não devemos voltar ao lugar onde fomos felizes"...
E, apesar de não acreditar na felicidade plena, continuo a crer nos bons momentos, aqueles que nos emocionam, tiram do sério e mexem connosco.
E os Amigos estão lá para os viver ao nosso lado.

Um sorriso :) com algumas lágrimas para todos/todas vocês. E um abraço do tamanho do Mundo. Tudo de bom!

20 comentários:

O Profeta disse...

Um areal morno acolheu
Teus passos ávidos da chegada
Caminhas na procura das marcas
De uma espera desencontrada

Calmaria!
A bonança reivindicou o Sol no celeste
Uniram-se os pedaços de rasgada vela
Tua alma retomou o sonho adiante


Boa semana


Mágico beijo

Lúcia disse...

Caçadora:
venho à pressa só para te dizer que não fui eu que viste em palco!:(( Com muita pena minha, mas as minhas artes são outras!:((Sou socióloga. O que é bom. Mas lamento desiludir-te:((

Qtº ao teu post: diz-se que não se deve voltar onde se foi feliz! Não sei. Mas sei que há momentos... de tudo... e este post foi um momento de tristeza.
Isto é um fim a este canto? Já fizeste algumas pausas, mas regozijei sempre qdº davas sinal.

Toda a força do mundo para ti!
Um beijo grande, grande

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Adorei saber que nos linkou...

Beijo grande.

Rebeca

-

Contracena disse...

Isto não é um "adeus", pois não? Ou é?

Beijinho.

Caçadora de Emoções disse...

Meus queridos/queridas,

Prometo que eu volto. Um dia...
Vão passando por aqui, inspirem-me, mimem-me, estejam sempre "presentes".

Gracias. De coração

Um sorriso :)

Mar Arável disse...

Fico à espera

no meu barco de papel

O Espírito do Tai Chi disse...

Amiga Caçadora de Emoções,

Deixo-te um pequeno capitulo do livro "Tao Te Ching" de Lao Tsé.

Na busca do conhecimento, todos os dias algo é adquirido,
Na busca do Tao, todos os dias algo é deixado para trás.
E cada vez menos é feito
até se atingir a perfeita não-acção.
Quando nada é feito, nada fica por fazer.

Beijinho,

António Serra

Vieira Calado disse...

E para si,

outro,

também do tamanho do Mundo!

Wolf disse...

deixo-te um carinho muito especial

sabes sempre onde é este lugar.


beijinho e xi coração

Caçadora de Emoções disse...

Um excelente fim-de-semana!
E, que a chuva de hoje fique apenas do lado de fora. Cá dentro, vamos deixar entrar alguns raios de sol...

Emoções sem fim para todos e todas e um sorriso :)

Contracena disse...

Olá P..
Passo para te deixar um bjo.
Fátima

Márcia disse...

...porque me revi nestas tuas palavras. Também eu parto nos próximos dias a uma cidade que já em tempos vivi. Belas são também as imagens.

dona tela disse...

Não esteja tristinha. Venha de comboio até ao Algarve.

mariam disse...

C.Emoções,

fico à espera, sabes disso. E também saberás onde me encontrar. Sinto uma enorme empatia por este cantinho e por ti.(nunca imaginei poder vir a dizer algo parecido com isto.. aqui) :)

entretanto, deixo uma mão-cheia de cerejas e o meu sorriso :)
mariam

nota:já estava com saudades deste 'Universo' tão especial... mas tive alguns problemas informáticos rsrs

Lúcia disse...

Deixo-te isto. Espero que gostes. E que te mime:)
http://www.youtube.com/watch?v=2gpUstKw0pg
Bijinhos

dona tela disse...

Venha lá brindar comigo!

ausenda disse...

Eu dou-te o meu sorriso...!

e

um beijo do tamanho deste silèncio!


:-)

o alquimista disse...

Da sua boca apenas o bastante das palavras! Sons distantes, cheiro a pão, calor presente no frio, crepitar da lenha, aromas! A vida a correr como um rio. És de poucas palavras, pouco falas é teu jeito, aprendes-te a ser discreta, guardar tudo em teu peito. Guardas a dor presente, como quem guarda segredo, alegria contida no olhar, porque o riso te causa medo…


Alquímico beijo

Zica Cabral disse...

ola Caçadora, descobri o seu blog atravez de outro. E gostei.
A felicidade não é um estado constante, é intermitente e constroi-se de muitas pequenas (ou grandes) coisas. Muitas vezes de um perfume que nos trás uma recordação feliz, de uma flôr ainda por abrir que antecipa o milagre da vida, de uma paisagem deslumbrante que nos tira a respiração, de um momento de amor intenso que pode durar apenas segundos mas que permanece para todo o sempre dentro de nós.
Nós construímos a nossa propria felicidade. Somos nós que a fazemos e que escolhemos ser felizes. Mesmo o maus momentos podem trazer-nos coisas boas.......embora não as possamos ver imediatamente.
Estes dois ultimos anos têm sido extremante dificeis para mim. Perdi o meu marido que adorava,
e com quem vivi 7 anos de muita felicidade.............depois perdi outro grande amor ,senti-me derrotada...vencida........desfeita!!!!! Mas.....ergui a cabeça e so pensei nos belissimos momentos que tinha vivido. De intensa felicidade. São esses que permanecem.
Tb outra coisa me fez sentir feleiz no meio da escuridão em que me encontrava. O apoio de amigos que eu não esperava encontrar e que me deram palavras de ternura, de esperança e mostraram que a solidadiredade humana não morreu.
Não acredito que não se deva voltar aos lugares onde se foi feliz............eu volto e, volto a viver essa felicidade com as minhas memorias.
Faça o favor de ser feliz porque a infelicidade torna-nos pesados. Sorria porque está viva, respira, escreve e, partilha conosco o dom da sua escrita
Um abraço
Zica

ParadoXos disse...

Desculpa as ausências que durante todo este tempo esteve presente aqui

A poesia no bolso escasseia há que procurar outras palavras para o pão de cada dia e é assim que me vou desdobrando em dois no sentido de trabalhar... e desenrascar o dia-a-dia!

tirar férias é luxo, nos dias que não correm.


mas, claro, vim buscar tempo pra te entregar um longo minuto de amor!

:-)